Descubra Como São Calculadas As Parcelas Do Financiamento De Carro

Publicidade

Os bancos levam alguns valores em consideração na hora de definir as parcelas de um financiamento de carro. Além disso, todo esse processo é feito antes que o acordo com o cliente formalize. Dessa forma, alguns pontos precisam ser pesados para definir o valor das parcelas mensais. Por exemplo, valor do carro, entrada, renda do cliente, prazos, taxa de juros e assim por diante. Isso porque, todos esses pontos podem pesar na hora da parcela do financiamento de carro ser definida.
Publicidade

Saber todos os detalhes sobre as regras usadas na hora de calcular os valores é essencial. Afinal, quando se sabe o que o banco analisa para liberar o financiamento. Se pode ter ais dados para comparar as propostas que receber antes de contratar o crédito.

Descubra como são calculadas as parcelas do financiamento de carro

Vale lembrar, que antes do banco liberar algum tipo de valor em crédito para o cliente fazer a compra do carro. O banco faz uma avaliação do perfil do cliente, ainda mais sobre as questões financeiras que o envolvem. Isso é, caso o cliente esteja com nome sujo, um financiamento com o banco vai ser bastante difícil.

Então, é bem possível que nesses casos o banco não queira emprestar o dinheiro para esse tipo de cliente. Isso porque, vê o cliente com um risco alto de não pagar os valores das parcelas de seu financiamento. Assim, cuidar das finanças antes de pedir um crédito para compra de carro é essencial para obter aprovação dos bancos.

Afinal, como são calculadas as parcelas do financiamento de carro?

Antes de mais nada, existem três tipos de dados que são usados para calcular esse tipo de valor. Isso porque os bancos usam essas informações juntar para definir os valores das parcelas de um financiamento. Confira abaixo quais são elas:

Publicidade

1-Valor do carro

De modo geral, o valor de um financiamento vai depender ainda mais do valor do carro que deseja comprar. Então, quanto mais caro for o carro que deseja, os valores das parcelas vão se tornar mais altos. Hoje em dia, os bancos e financeiras costumam financiar apenas 80% ou 100% do carro. Mas, oferecem prazos de muitos anos para que os clientes façam os pagamentos pelo carro que compraram.

2- Valor usado na entrada

Sempre tenha em mente, que mesmo com valor do carro alto ou baixo, ou até mesmo os prazos escolhidos. Quanto maior for o valor usado na entrada do financiamento menores vão ser os valores da parcela. Desse modo, caso tenha dinheiro disponível para usar como entrada na compra do seu carro. O melhor a se fazer é usa-lo para que consiga pagar menos nas parcelas mensais. Além disso, uma boa entrada faz com que as taxas de juros do banco fiquem mais baixas.

3- Tempo do financiamento

Publicidade

O tempo de financiamento pode afetar de duas formas no valor de sua entrada. Isso porque, quanto maior o tempo de pagamento, menor vai ser o valor das parcelas pagas ao mês. Mas, vai ter que pagar pelo financiamento por mais tempo. No entanto, os financiamentos feitos em tempos menores costumam ter taxas de juros menores. Sendo assim, uma boa opção é guardar dinheiro para usar na entrada e diminuir o valor das parcelas e juros do financiamento.

Descubra como são calculadas as parcelas do financiamento de carro

Como conseguir desconto na compra de um carro?

Primeiramente, vai precisar tentar negociar o valor do carro que deseja em todos os lugares que fazer uma pesquisa. Assim, tenha em mente que qualquer redução pode fazer com que as parcelas do financiamento fiquem mais baratas. Feito isso, peça duas simulações para o vendedor do carro em questão.

Um para financiamento com entrada e outra para financiamento sem entrada. Nesse ponto, pode comparar as parcelas. Caso elas mudem bastante de acordo com o valor da entrada use dinheiro para deixar as parcelas baixas. Contudo, se a diferença não for alta prefira financiar seu carro sem entrada para guardar seu dinheiro que seria usado na entrada.

Publicidade

Além disso, precisa pedir algumas simulações com diversos tipos de prazos de financiamento. Por exemplo, em 12, 24, 36, 48 ou 60 meses. Dessa forma, pode ver se os valores das parcelas mudam muito com os prazos mais grandes. Depois, precisa somar todas as parcelas e o valor da entrada para saber o valor final do carro. Afinal, precisa escolher a opção mais barata. Também busque pesquisar as taxas de juros de cada banco. Assim pode conseguir pagar menos na hora de comprar seu carro.

Considerações finais

Por fim, para quem quer comprar um carro, pode encontrar opções disponíveis até mesmo online sem sair e casa. Além disso, essa opção permite que consiga fazer comparações em um tempo menor. Para isso, basta usar algumas plataformas como AutoLine, iCarros e WebMotors. Essas são as plataformas que anunciam a venda de carro e podem te ajudar. 

Relacionados

Comentário Fechado.

© TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - 2022